.

.

.

.

sinto um amor por essa luz que bate agora em seu rosto
te deixando assim amarelinho ouro
fica aí não sai daí
sempre junto perto de mim
até o sol engolir a terra
em cinco bilhões de anos

.

.

.

.

tatiana mendonça escreve miudezas às sextas

Anúncios