queria ser
o fiopavio
que sai
da testa
de gil
berto gil

e

deixa
a alegria no cio

procria
cores
em desvario

faz da morte
coisa doce
feito colo
em tempo frio

é vital
dançar
a dança

– e ser criança –

ao som de gil
berto mil

Carmezim escreve às quartas-feiras

Anúncios